Com 27 anos de existência, o Centro de Computação Gráfica (CCG) dedica a sua atividade à investigação aplicada e ao desenvolvimento nos domínios das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

O CCG atua de forma autónoma ou em rede, posicionando-nos como interface entre academia e a economia, com base em parcerias estratégicas, através de projetos e serviços como forma de transferência de conhecimento.

Computer Vision | Computer Graphics | Mixed Reality | Computer Sciences | Electronic Engineering | Human Machine Interaction

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto Cognitive CMMS | Refª: BI/20_013_CMMS_CVIG

    Refª: BI/20_013_CMMS_CVIG

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto Cognitive CMMS (projeto nº 33574) financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020), nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Tecnologias da Informação, Telecomunicações e Eletrónica (TICE), Computação Gráfica.

     

    Requisitos de admissão

    • Formação académica ao nível de Mestrado, os candidatos deverão possuir Mestrado em Engenharia Informática, Eletrónica e Computadores ou similar e terão, obrigatoriamente que estar a frequentar formação;
    • Experiência em desenvolvimento de software e programação em linguagens como: C, C++ e C# (fator preferencial);
    • Experiência/Conhecimento em Visão por Computador, Computação Gráfica e Realidade Aumentada e Mista;
    • Experiência com motores de jogos, como por exemplo Unity3D.
    • Dinamismo, pró-atividade e elevado sentido de responsabilidade;
    • Fluência em Inglês (falado e escrito).

     

    Plano de atividadesO candidato selecionado desenvolverá atividades de investigação e desenvolvimento no âmbito do projeto supramencionado, em especial nas tarefas da linha I&D de desenvolvimento de uma nova ferramenta de manutenção de edifícios mobile e holográfica usando técnicas de Realidade AumentadaMista. Em específico contribuirá nas tarefas das atividades de: desenvolvimento e promoção e divulgação de resultados; referentes a essa linha de I&D.

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004 de 18 de Agosto e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. em vigor, sendo este o adotado pelo Centro Computação Gráfica.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica do Doutor Miguel Guevara e do Doutor Luís Magalhães.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em novembro de 2020, renovável até ao término do projeto.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será de 1064€ conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturasos candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas, cópia do documento de identificação e comprovativo de frequência em formação.

     

    Métodos de seleção: A avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do projeto na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade. 

    A seleção do candidato será divida em duas fases. A primeira implica uma avaliação do currículo (60% do valor total) para selecionar os candidatos que se deslocam para a fase seguinte; enquanto a segunda fase consistirá numa entrevista (40% do valor total), com o objetivo de produzir uma lista ordenada dos candidatos, resultando ganhador o candidato que ocupe a primeira posição de acordo com os critérios de seleção acima especificados. O júri reserva-se o direito de anular a chamada se nenhum dos candidatos satisfizer as qualificações especificadas.

     

    Composição do Júri de Seleção: 

    Presidente do Júri: Miguel Guevara;

    Vogais efetivos: Luís Gonzaga Magalhães, Paula Monteiro;

    Vogais suplentes: Emanuel Sousa, Ana Lima. 

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de  19/10/2020 a 30/10/2020 , indicando a referência BI/20_013_CMMS_CVIG.

     

    Guimarães, 01 de outubro de 2020


Software Engineering | Information Systems | TICE

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto “PRODUTECH4S&C: PRODUTECH SUSTENTÁVEL & CIRCULAR | Refª: BI/20_014_PRODUTECH4SC_EPMQ

    Refª: BI/20_014_PRODUTECH4SC_EPMQ

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto “PRODUTECH4S&C: PRODUTECH SUSTENTÁVEL & CIRCULAR – Soluções inovadoras, sustentáveis e circulares com impacto na fileira das tecnologias” (projeto nº 46102) financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020), nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Engenharia de Software e Sistemas de Informação

     

    Requisitos de admissão: os candidatos deverão possuir grau de Licenciatura ou Mestrado em Engenharia Informática, Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação ou áreas afins e terão, obrigatoriamente que estar a frequentar formação. Será dada prioridade a candidatos com conhecimentos/experiência em:

    • Experiência em desenvolvimento com metodologias e ferramentas de Data Science and Big Data Analytics;
    • Experiência em tecnologias de bases de dados, ambiente de programação R e Python;
    • Bons conhecimentos de tecnologias de implementação de sistemas de dados;
    • Análise Inteligente de Dados (e.g., modelos descritivos, preditivos e prescritivos, através das estratégias de treino/teste apropriadas, Computação Evolucionária, AutoML e Deep Learning);

     

    Plano de atividadesO trabalho a desenvolver consistirá na investigação e desenvolvimento da componente de Data Driven, recorrendo a técnicas de Machine Learning, em particular:

    • Especificação de algoritmos/modelos de aprendizagem e atuação;
    • Implementação de algoritmos/modelos de aprendizagem e atuação.

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004 de 18 de agosto e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. em vigor, sendo este o adotado pelo Centro Computação Gráfica.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica do Prof. Dr. Paulo Cortez.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em novembro de 2020. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao término do projeto afeto.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será de 798€ para licenciados ou 1064€ para mestres conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturasos candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas, cópia do documento de identificação e comprovativo de frequência em formação.

     

    Métodos de seleçãoA avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade. 

    A seleção do candidato será divida em duas fases. A primeira implica uma avaliação do currículo (60% do valor total) para selecionar os candidatos que se deslocam para a fase seguinte; enquanto a segunda fase consistirá numa entrevista (40% do valor total), com o objetivo de produzir uma lista ordenada dos candidatos, resultando ganhador o candidato que ocupe a primeira posição de acordo com os critérios de seleção acima especificados. O júri reserva-se o direito de anular a chamada se nenhum dos candidatos satisfizer as qualificações especificadas.

     

    Composição do Júri de Seleção: 

    Presidente do Júri: Paulo Cortez 

    Vogais Efetivos: Paula Monteiro e Ana Lima 

    Vogais Suplentes: Ricardo J. Machado e Carlos Salgado

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de  21/10/2020 a 03/11/2020, indicando a referência BI/20_014_PRODUTECH4SC_EPMQ.

     

    Guimarães, 6 de outubro de 2020



  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto “PRODUTECH4S&C: PRODUTECH SUSTENTÁVEL & CIRCULAR | Refª: BI/20_015_PRODUTECH4SC_EPMQ

    Refª: BI/20_015_PRODUTECH4SC_EPMQ

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto “PRODUTECH4S&C: PRODUTECH SUSTENTÁVEL & CIRCULAR – Soluções inovadoras, sustentáveis e circulares com impacto na fileira das tecnologias” (projeto nº 46102) financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020), nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Engenharia de Software e Sistemas de Informação

     

    Requisitos de admissão: os candidatos deverão possuir grau de Licenciatura ou Mestrado em Engenharia Informática, Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação ou áreas afins e terão, obrigatoriamente que estar a frequentar formação. Será dada prioridade a candidatos com conhecimentos/experiência em:

    • Experiencia em tecnologias de bases de dados, ambiente de programação R e Python;
    • Bons conhecimentos de tecnologias de implementação de sistemas de dados.
    • Familiaridade com os aspetos de engenharia das práticas populares de aprendizado de máquina,
    • (por exemplo, MLflow, Kubeflow, Mleap, Michelangelo, Feast, HopsWorks, MetaFlow, Zipline, Databricks, Spark, MLlib, PyTorch, TensorFlow, Scikit -learner entre outros);
    • Fluência em Inglês.

     

    Plano de atividadesO trabalho a desenvolver consistirá na investigação e desenvolvimento de algoritmos e/ou modelos para monitorizar, prever e atuar sobre padrões de movimentos de stocks, recorrendo a técnicas de Machine Learning, em particular:

    • Desenvolvimento de ferramentas de suporte à decisão para logística inteligente;
    • Especificação de algoritmos/modelos de aprendizagem e atuação;
    • Implementação de algoritmos/modelos de aprendizagem e atuação.

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004 de 18 de agosto e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. em vigor, sendo este o adotado pelo Centro Computação Gráfica.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica do Prof. Dr. Paulo Cortez.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em novembro de 2020. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao término do projeto afeto.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será de 798€ para licenciados ou 1064€ para mestres conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturasos candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas, cópia do documento de identificação e comprovativo de frequência em formação.

     

    Métodos de seleçãoA avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade. 

    A seleção do candidato será divida em duas fases. A primeira implica uma avaliação do currículo (60% do valor total) para selecionar os candidatos que se deslocam para a fase seguinte; enquanto a segunda fase consistirá numa entrevista (40% do valor total), com o objetivo de produzir uma lista ordenada dos candidatos, resultando ganhador o candidato que ocupe a primeira posição de acordo com os critérios de seleção acima especificados. O júri reserva-se o direito de anular a chamada se nenhum dos candidatos satisfizer as qualificações especificadas.

     

    Composição do Júri de Seleção: 

    Presidente do Júri: Paulo Cortez 

    Vogais Efetivos: Paula Monteiro e Ana Lima 

    Vogais Suplentes: Ricardo J. Machado e Carlos Salgado

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de  21/10/2020 a 03/11/2020, indicando a referência BI/20_015_PRODUTECH4SC_EPMQ.

     

    Guimarães, 6 de outubro de 2020


     

  • 1 vaga para Engenheiro de Dados | Refª: CT/20_006_TDS_EPMQ

    Refª: CT/20_006_TDS_EPMQ

     

    O CCG é uma organização com 27 anos que dedica a sua atividade à investigação e desenvolvimento aplicado, nos domínios da computação gráfica, das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

    Se gostas de trabalhar com sistemas de dados e partilhar ideias com uma equipa qualificada e inovadora, este é o desafio certo para ti!

     

    A equipe EPMQ:

    EPMQ (IT: Engineering Process Maturity and Quality) é o domínio de investigação aplicada do CCG, no âmbito da qualidade e maturidade do processo de engenharia de sistemas e tecnologias de informação. A equipa é formada por investigadores e engenheiros talentosos que têm criatividade no seu DNA, desenvolvem projetos de investigação e desenvolvimento (I&D) para as empresas e que trabalham diariamente com o rigor, excelência e inovação.

     

    Quem procuramos:

    • Engenheiro de Dados com, preferencialmente Doutoramento em Informática, Sistemas de Informação, Engenharia de Sistemas de Informação ou áreas afins;
    • Candidatos dinâmicos, proactivos e responsáveis (fator CCG);
    • Gosto pelo trabalho em equipa;
    • Bons conhecimentos de tecnologias de implementação de sistemas de dados;
    • Conhecimentos sólidos da área de Big Data Analytics, nomeadamente: ecossistema do Hadoop, Bases de Dados NoSQL e Hive, ferramentas de processamento SQL-on-Hadoop (como Presto, Impala, Hive, Spark, entre outras), processamento de dados em streaming (Kafka, Spark streaming, Storm ou outros), desenvolvimento de software em ambiente distribuído e escalável;
    • Experiência em gestão de equipas (preferencial);
    • Experiência na escrita de artigos científicos e envolvimento em projetos de investigação (fator preferencial);
    • Domínio da língua inglesa.

     

    O que oferecemos:

    • Integração num ambiente informal;
    • A oportunidade de fazer parte de uma equipa dinâmica e coesa;
    • Oportunidade de aprendizagem e desenvolvimento contínuo;
    • Projetos inovadores e desafiantes;
    • Remuneração mais benefícios;



    Para fazer parte da equipa CCG, envia-nos a tua candidatura para jobs@ccg.pt mencionando a referência CT/20_006_TDS_EPMQ.

     

     

    Guimarães, 7 de dezembro de 2020

     

Mobile Computing

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) | Refª: BI/20_023_EcoFire_UM

    Refª: BI/20_023_EcoFire_UMC

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto EcoFire – O valor económico dos incêndios florestais como suporte ao comportamento preventivo (projeto nº PCIF/AGT/0153/2018) financiado pela FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia, através de fundos nacionaisnas seguintes condições:

     

    Área Científica: Engenharia Informática; Sistemas móveis.

     

    Requisitos de admissão: Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia Informática, Sistemas de Informação ou afins. A frequentar formação. Será dada prioridade a candidatos com: i) Boas capacidades de programação; ii) Experiência e participação em projetos de I&D; iii) Capacidade para escrever relatórios técnicos em inglês.

     

    Plano de atividades: Desenvolvimento de soluções informáticas com arquitetura cliente/servidor; Implementação de soluções móveis baseadas na localização e/ou informação geográfica; Desenvolvimento de aplicações para dispositivos móveis.

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004 de 18 de agosto e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. em vigor, sendo este o adotado pelo Centro Computação Gráfica.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica de Filipe Meneses.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em janeiro de 2021. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao término do projeto afeto.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será de 805,98€ conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturasos candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas, comprovativo de frequência em formação e cópia do documento de identificação.

     

    Métodos de seleçãoA avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade.

    A seleção do candidato será divida em duas fases. Na primeira fase será realizada uma avaliação do curriculum (60% do valor total) para selecionar os candidatos que transitam para a fase seguinte do processo de avaliação. Na segunda fase, realizar-se-á uma entrevista aos candidatos (40% do valor total). Após a segunda fase do processo de avaliação será elaborada uma lista ordenada dos candidatos com as respetivas classificações finais. 

    O júri reserva-se o direito de não atribuir a bolsa no caso de não se apresentarem a concurso candidatos com perfil adequado.

     

    Composição do Júri de Seleção: O júri é composto pelo presidente, Doutor Filipe Meneses, por dois vogais efetivos, o Prof. Doutor Adriano Moreira e o Doutora Paula Monteiro, e por dois vogais suplentes, o Doutor Emanuel Sousa e a Doutora Ana Lima.

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de  03/12/2020 a 17/12/2020, indicando a referência BI/20_023_EcoFire_UMC.

     

    Guimarães, 17 de novembro de 2020

     

    image

  • 1 vaga na área Informática, Sistemas de Informação ou equivalente | Refª: CT/20_004_TDS_UMC

    Refª: CT/20_004_TDS_UMC

     

    O CCG é uma organização com 27 anos que dedica a sua atividade à investigação e desenvolvimento aplicado, nos domínios da computação gráfica, das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

     

    A equipa UMC (Urban and Mobile Computing):

    Lida com os desafios das Smart Cities, da Condução Autónoma, dos Sistemas de Transporte Inteligente, de Sistemas de Sensores (IoT), aplicações 5G e com Active and Healthy Ageing.

     

    Quem procuramos:

    - Mestrado em Informática, Sistemas de Informação ou equivalente;

    - Programação Full Stack Web e Mobile multiplataforma;

    - Programação em várias linguagens/frameworks: Java; React; Angular; Python; Node.js; SQL; HTML 5 + Javascript; Android Studio + Swift; REST; JSON + XML;

    - Proficiência de Inglês falado e escrito.

     

    Valorização:

    - Conhecimentos de telecomunicações;

    - Metodologias de teste automático de software;

    - Competências em sistemas de localização (com enfoque em espaços interiores);

    - Conhecimentos em redes veiculares e condução autónoma;

    - Utilização de sistemas de controlo de versão (git);

    - Utilização de ferramentas de colaboração (e.g. GitHub, Gitlab, BitBucket, etc.);

    - Utilização de frameworks de teste.

     

    O que oferecemos:

    • Integração num ambiente informal;
    • A oportunidade de fazer parte de uma equipa dinâmica e coesa;
    • Oportunidade de aprendizagem e desenvolvimento contínuo;
    • Projetos inovadores e desafiantes;
    • Desenvolvimentos não óbvios;
    • Remuneração mais benefícios;


    Para fazer parte da equipa CCG, envia-nos a tua candidatura para jobs@ccg.pt mencionando a referência CT/20_004_TDS_UMC.

     

     Guimarães, 7 de dezembro de 2020

1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto Cognitive CMMS - Cognitive Computerized Maintenance Management System|Refª: BI/20_022_CMMS_UMC

 

Perception, Interaction and Usability

  • 1 vaga na área da psicologia experimental, fatores humanos, ergonomia ou desenvolvimento de produto, com foco na área automóvel e/ou software | Refª: CT/20_005_TD_PIU

    Refª: CT/20_005_TD_PIU

     

    O CCG é uma organização com 27 anos que dedica a sua atividade à investigação e desenvolvimento aplicado, nos domínios da computação gráfica, das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

     

    A equipa PIU:

    Funcionando com um dos quatro domínios de investigação aplicada do CCG, o grupo de Perceção, Interação e Usabilidade tem o seu principal foco de trabalho nos fatores humanos aplicados à interação homem-máquina. Entre os contextos de aplicação principais encontram-se as áreas do automóvel e segurança rodoviária, o design de interação aplicado a interfaces homem-máquina; a realidade virtual/aumentada e a alarmística acústica e visual.

     

    Quem procuramos:

    • Candidatos(as) com Mestrado em Psicologia Experimental, Ergonomia ou áreas afins (requisito obrigatório);
    • Candidatos dinâmicos, proactivos e responsáveis;
    • Gosto pelo trabalho em equipa;
    • Experiência em projetos de investigação na área da psicologia experimental, fatores humanos, ergonomia ou desenvolvimento de produto, com foco na área automóvel e/ou software (requisito preferencial);
    • Será valorizado o currículo científico do candidato(a) e/ou experiência na área de gestão de projetos (requisito preferencial);
    • Experiência na escrita de candidaturas a projetos financiados (requisito preferencial);
    • Bom domínio de inglês falado e escrito.

     

    O que oferecemos:

    • Integração num ambiente informal;
    • A oportunidade de fazer parte de uma equipa dinâmica e coesa;
    • Oportunidade de aprendizagem e desenvolvimento contínuo;
    • Projetos inovadores e desafiantes;
    • Remuneração mais benefícios;


    Para fazer parte da experiência CCG, envia-nos a tua candidatura para jobs@ccg.pt mencionando a referência CT/20_005_TD_PIU.

      

    Guimarães, 7 de dezembro de 2020

Garantimos a confidencialidade de todos os dados fornecidos pelos candidatos.
A recolha de dados tem como única finalidade o recrutamento.
O titular dos dados recolhidos tem direito de acesso, retificação e oposição à utilização dos mesmos, podendo obter informação adicional ou esclarecer qualquer dúvida através do endereço de correio eletrónico: privacidade@ccg.pt