Com mais de 20 de existência, o Centro de Computação Gráfica (CCG – www.ccg.pt) dedica a sua atividade à investigação aplicada e ao desenvolvimento nos domínios das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

O CCG atua de forma autónoma ou em rede, posicionando-nos como interface entre academia e a economia, com base em parcerias estratégicas, através de projetos e serviços como forma de transferência de conhecimento.

Computer Vision | Computer Graphics | Mixed Reality | Computer Sciences | Electronic Engineering | Human Machine Interaction

  • Técnico de Desenvolvimento | Refª: CHIC/Mob24498
    Com mais de 20 de existência, o Centro de Computação Gráfica (CCG – www.ccg.pt) dedica a sua atividade à investigação aplicada e ao desenvolvimento nos domínios das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

    No CCG acreditamos na valorização económica do conhecimento como um meio para atingir uma sociedade melhor. Neste sentido, atuamos de forma autónoma ou em rede, posicionando-nos como interface entre academia e a economia, com base em parcerias estratégicas, através de projetos e serviços como forma de transferência de conhecimento.

     

    CCG pretende selecionar para os seus quadros um “Técnico de Desenvolvimento”, reportando diretamente ao Coordenado de Desenvolvimento do PIU “Perception, Interaction and Usability” que terá como principais responsabilidades:

    • Pesquisar, conceber e desenvolver software;
    • Avaliar a interface entre equipamentos (hardware) e o software;
    •  Desenvolver e coordenar procedimentos de teste e validação do software;
    •  Avaliar, desenvolver e atualizar a documentação dos sistemas desenvolvidos;
    • Conceber e desenvolver animações digitais, imagens, apresentações, jogos, áudio e vídeo clips, e aplicações da Internet que utilizem software multimédia, ferramentas, gráficos interativos e linguagens de programação;
    •  Desenvolver aplicações multimédia;
    •  Cumprir as funções que lhe são atribuídas no âmbito do Sistema de Gestão e contribuir para a sua melhoria continua.

     

    Perfil: O candidato ideal deverá apresentar as seguintes características obrigatórias:

    • Mestrado em Engenharia Eletrónica ou Mestrado em Engenharia Informática ou áreas afins;
    •  Experiência em investigação científica na área da engenharia acústica e/ou interação homem-máquina;
    • Inclusão em equipas de investigação e publicações científicas na área da engenharia acústica e/ou interação homem-máquina;

    Adicionalmente, é desejável que o candidato exiba:

    • Experiência com plataformas de auralização (som binaural);
    • Bons conhecimentos de Inglês falado e escrito;

     

    Candidaturas: Os interessados deverão enviar o seu curriculum vitae para: jobs@ccg.pt, até 27 de outubro de 2017, com a seguinte referência CHIC/Mob24498.

     

    Local de Trabalho: Centro de Computação Gráfica, Campus de Azurém, 4800-058 Guimarães, Portugal

Software Engineering

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto BOSCH 2 P1013 – Cloud Applications for Smart Cars. Refª: BI/P1013_EPMQ_06/2017
    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 (uma) Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto BOSCH 2 P1013 – Cloud Applications for Smart Cars, nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Engenharia de Software

     

    Requisitos de admissão:

    Os candidatos deverão possuir Licenciatura em Sistemas de Informação, Engenharia Informática, Engenharia de Computação, ou áreas afins.

    Será dada prioridade a candidatos com conhecimentos e experiência em: a) modelação em UML, BPMN, outras notações; b) ferramentas CASE ; c) inglês falado e escrito.

     

    Plano de atividades:

    a.       Modelação de processos de desenvolvimento de software.

    b.       Melhoria de processo de desenvolvimento

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica e o Regulamento de Bolsas do Centro de Computação Gráfica em vigor.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em outubro de 2017. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo previsto na lei.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturas: Os candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas e cópia do documento de identificação.

     

    Métodos de seleção: A avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade.

    A seleção dos candidatos poderá eventualmente ser complementada por entrevista.

     

    Composição do Júri de Seleção:

    Presidente do Júri: Professora Helena Rodrigues

    Vogais Efetivos: Professor Ricardo J. Machado e Maribel Santos

    Vogais Suplentes: Professoras Ana Alice Baptista e Paula Monteiro

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de  14/09/2017 a 12/10/2017, indicando a referência BI/P1013_EPMQ_06/2017

     

    Guimarães, 25 de setembro de 2017

Information systems

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto Analytical Laboratories 4.0 | Refª: BIM/AL4.0_EPMQ_07/2017

    Refª: BIM/AL4.0_EPMQ_07/2017

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto Analytical Laboratories 4.0, nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Tecnologias da Informação, Telecomunicações e Eletrónica (TICE).

     

    Requisitos de admissão:

    Formação académica ao nível do Mestrado, os candidatos deverão possuir Mestrado ou Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação, Sistemas de Informação ou área afim. Será dada prioridade a candidatos com experiência em:

      1. Armazenamento e análise de dados em contextos de Big Data, nomeadamente através da utilização de Bases da Dados NoSQL como o HBase ou o Cassandra;
      2. Data Warehouses em contextos de Big Data, nomeadamente através da modelação e concretização de sistemas analíticos em HIVE;
      3. Dashboards analíticos, desde o levantamento de requisitos até à implementação dos mecanismos de visualização da informação, suportados por Bases de Dados NoSQL ou por HIVE.

     

    Plano de atividades:

    O plano de trabalhos insere-se na Linha de ID&T “Sistemas e Tecnologias de Informação” e consiste:

    a.       No desenvolvimento de soluções para a análise do negócio, desde a modelação dos dados até à implementação do data warehouse em HIVE e dos mecanismos analíticos de suporte;

    b.       Na otimização dos modelos de dados a implementar, de forma a otimizar o processamento de questões, identificação e definindo regras que permitam definir os modelos de dados;

    c.       Na concretização de diversas configurações para os modelos de dados e na medição do desempenho das mesmas.

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004 de 18 de Agosto, e o Regulamento de Bolsas do Centro de Computação Gráfica.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em Novembro de 2017. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo previsto na lei.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores). Acresce o pagamento das propinas de doutoramento, por um período máximo de 3 anos, enquanto vigorar o contrato de bolsa.

     

    Formalização das Candidaturas: Os candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas e cópia do documento de identificação.

     

    Métodos de seleção: A avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade.

    A seleção dos candidatos poderá eventualmente ser complementada por entrevista.

     

    Composição do Júri de Seleção:

    Presidente do Júri: Prof. Maribel Santos

    Vogais Efetivos: Professores Paulo Cortez, Ricardo J. Machado

    Vogais suplentes: Professora Ana Alice Baptista e Paula Monteiro

     

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de 25/09/2017 a 23/10/2017, indicando a referência BIM/ AL4.0_EPMQ_07/2017.

     

    Guimarães, 25 de setembro de 2017

     

     

     

  • Machine Learning Developer (M/F)

     

    Machine Learning Developer (M/F)

    O CCG é uma organização com mais de 20 anos que dedica a sua atividade à investigação e desenvolvimento aplicado, nos domínios da computação gráfica, das tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, bem como às suas aplicações, em contexto nacional e internacional.

    Se gostas de trabalhar com sistemas de dados e partilhar ideias com uma equipa qualificada e inovadora, este é o desafio certo para ti!

    A equipe EPMQ:

    EPMQ (Engineering Process Maturity and Quality) é o domínio de investigação aplicada do CCG, no âmbito da qualidade e maturidade do processo de engenharia de sistemas e tecnologias de informação. A equipa é formada por investigadores e engenheiros talentosos que têm criatividade no seu DNA e que trabalham diariamente com o rigor, excelência e inovação.

     

    Quem procuramos:

    ·         Doutoramento ou mestrado em Engenharia de Sistemas de Informação ou áreas afins;

    ·         Candidatos dinâmicos, proactivos e responsáveis ​​(fator CCG);

    ·         Gosto pelo trabalho em equipa;

    ·         Bons conhecimentos de tecnologias de implementação de sistemas de dados;

    ·         Bons conhecimentos de análise inteligente de dados, nas vertentes de: business intelligence (data mining, machine learning, previsão e sistemas de apoio à decisão); e/ou otimização moderna (metaheurísticas, simulated annealing, computação evolucionária);

    ·         Experiência na escrita de artigos científicos e envolvimento em projetos de investigação (fator preferencial);

    ·         Domínio da língua inglesa.

     

    O que oferecemos:

    ·         Integração num ambiente informal;

    ·         A oportunidade de fazer parte de uma equipa dinâmica e coesa;

    ·         Oportunidade de aprendizagem e desenvolvimento contínuo;

    ·         Desafios criativos;

    ·         Remuneração mais benefícios;

    Vem crescer connosco!

    Traz a tua paixão, nós elaboramos e revelamos os truques de magia do CCG.

     

    Para fazer parte da experiência CCG, envia-nos a tua candidatura para jobs@ccg.pt, até 09/10/2017, mencionando a referência CCG_Machine Learning Developper.

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto CHIC - Cooperative Holistic view on Internet and Content | Refª: BI/CHIC_01
    Refª: BI/CHIC_01

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto CHIC - Cooperative Holistic view on Internet and Content (projeto nº 24498) financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020), nas seguintes condições:

    ÁREA CIENTÍFICA: Tecnologias da Informação, Telecomunicações e Eletrónica (TICE), Computação Gráfica.

    REQUISITOS DE ADMISSÃO:

     Formação académica ao nível do Mestrado, os candidatos deverão possuir Mestrado ou Mestrado Integrado em Engenharia Informática, Ciências da Computação, Eletrónica e Computadores ou similar;

     Experiência em desenvolvimento de software e programação;

     Conhecimentos em realidade aumentada e virtual;

     Conhecimentos em visão por computador são valorizados;

     Dinamismo, pró-atividade e elevado sentido de responsabilidade;

     Fluência em Inglês (falado e escrito).

     

    PLANO DE ATIVIDADES:

    O candidato selecionado desenvolverá atividades de investigação e desenvolvimento no âmbito do projeto supramencionado, em especial na atividade de “Desenvolvimento de uma Plataforma para gestão da produção de conteúdos digitais para valorização do livro e ferramentas auxiliares da produção”. Em especifico contribuirá para as tarefas de análise de estado da arte, definição de requisitos e especificações, desenho e conceção da arquitetura da solução, implementação da plataforma e piloto no âmbito da aplicação de conceitos de realidades imersivas ao livro.

    LEGISLAÇÃO APLICÁVEL: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. em vigor.

    LOCAL DE TRABALHO: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica do Doutor Luís Gonzaga Magalhães e Doutor Miguel Guevara.

    DURAÇÃO DAS BOLSAS: A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em Novembro de 2017. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo previsto na lei.

    VALOR DO SUBSÍDIO DE MANUTENÇÃO MENSAL: O montante da bolsa será de 980€, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

    FORMALIZAÇÃO DAS CANDIDATURAS: Os candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas e cópia do documento de identificação.

    MÉTODOS DE SELEÇÃO: A avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade.

    A seleção dos candidatos poderá eventualmente ser complementada por entrevista.

    COMPOSIÇÃO DO JÚRI DE SELEÇÃO:

    Presidente do Júri: Miguel Guevara;

    Vogais efetivos: Luís Gonzaga Magalhães, João Moutinho;

    Vogais suplentes: Emanuel Sousa, Paula Monteiro.

    FORMA DE PUBLICITAÇÃO/NOTIFICAÇÃO DOS RESULTADOS: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

    PRAZO DE CANDIDATURA E FORMA DE APRESENTAÇÃO DAS CANDIDATURAS: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de 25/09/2017 a 23/10/2017, indicando a referência Refª: BI/CHIC_01.

    Guimarães, 25 de setembro de 2017

Mobile Computing

  • 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto HeritageCARE |Refª: BI/HeritageCARE_03/2017
    Refª: BI/HeritageCARE_03/2017

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Investigação (BI) no âmbito do projeto HeritageCARE - Monitorização e Conservação Preventiva do Património Histórico e Cultural (SOE1/P5/P0258) financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Interreg SUDOE, nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Computação Móvel.

     

    Requisitos de admissão:

    Mestre em Engenharia Informática, Informática e Sistemas, Ciências da Computação, Engenharia Eletrónica ou áreas afins. São condições preferenciais para a avaliação dos candidatos:

    • Experiência/conhecimentos em desenvolvimento para dispositivos Android – Android Studio
    • Experiência/conhecimentos em sistemas baseados em localização
    • Experiência/conhecimentos em Interfaces RESTful
    • Experiência/conhecimentos em SQLite
    • Experiência/conhecimentos em sincronização de conteúdos (guardados offline)

     

    Plano de atividades:

    A preservação de edifícios de valor histórico e cultural no sudoeste da Europa não é atualmente uma atividade regular organizada; só ocorre quando surgem problemas sérios. Para enfrentar esta situação urgente, o projeto HeritageCARE pretende implementar um sistema de gestão para a preservação preventiva do património histórico e cultural baseado numa série de serviços prestados por uma organização sem fins lucrativos criada em Espanha, França e Portugal. O projeto será a primeira estratégia comum de preservação preventiva do património no sudoeste da Europa.

    Em específico, o bolseiro selecionado participará na especificação técnica, desenvolvimento e implementação, e testes de uma solução móvel para dispositivos Android (smartphones e tablets) para o registo no terreno de inspeções realizadas ao património histórico e cultural. 

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica e o Regulamento de Bolsas do Centro de Computação Gráfica em vigor.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica do Doutor João Moutinho e do Prof. Doutor Adriano Moreira.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 9 meses, com início previsto em Setembro de 2017. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo previsto na lei.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturas: Os candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas e cópia do documento de identificação.

     

    Métodos de seleção: A avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade.

    A seleção dos candidatos será feita com base na avaliação curricular (60% do valor total) e numa entrevista (40% do valor total), com o objetivo de produzir uma lista ordenada dos candidatos, resultando ganhador o candidato que ocupe a primeira posição de acordo com os critérios de seleção acima especificados. O júri reserva-se o direito de anular a chamada se nenhum dos candidatos satisfizer as qualificações especificadas.

     

    Composição do Júri de Seleção:

    • Presidente do Júri – Prof. Doutor Adriano Moreira
    • Vogal Efetivo – Doutor João Moutinho
    • Vogal Efetivo – Doutor Filipe Meneses
    • Vogal Suplente – Doutora Paula Monteiro
    • Vogal Suplente – Doutor Miguel Guevara

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto entre o dia 21/09/2017 e o dia 20/10/2017, indicando a referência BI/HeritageCARE_03/2017.

    Guimarães, 26 de setembro de 2017

     

  • 2 Bolsas de Investigação (BI) no âmbito do projeto C4S - Connected Concessions and Citizen Centric Services. Refª: BIM_UMC/C4S_06/2017
    Refª: BIM_UMC/C4S_06/2017

    Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 2 Bolsas de Investigação (BI) no âmbito do projeto C4S - Connected Concessions and Citizen Centric Services, nas seguintes condições:

     

    Área Científica: Sistemas de Informação, computação móvel.

     

    Requisitos de admissão: Os candidatos deverão possuir Mestrado ou Mestrado Integrado em Engenharia Informática, Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação, Sistemas de Informação ou área afim. Será dada prioridade a candidatos com experiência em:

      1. Experiência e conhecimentos em desenvolvimento de aplicação móveis (Android);
      2. Experiência e conhecimentos de programação em Java;
      3. Conhecimentos em utilização de bases de dados

     

    Plano de atividades: O projecto “C4S -Connected Concessions and Citizen Centric Services” inclui o desenvolvimento de uma solução para aferir a qualidade de serviço prestado pelos operadores de transportes públicos. O trabalho a desenvolver no âmbito desta bolsa está focado no desenvolvimento de uma aplicação móvel e análise dos dados recolhidos.

     

    Legislação aplicável: A atribuição da bolsa tem por base o Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica e o Regulamento de Bolsas do Centro de Computação Gráfica em vigor.

     

    Local de Trabalho: O trabalho será desenvolvido no Centro de Computação Gráfica, Sede em Guimarães, sob a orientação científica do Doutor Adriano Moreira.

     

    Duração das Bolsas: A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em setembro de 2017. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo previsto na lei.

     

    Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

     

    Formalização das Candidaturas: Os candidatos deverão apresentar as candidaturas mediante uma carta de admissão mencionando as suas motivações, acompanhada de Curriculum Vitae detalhado, cópia do Certificado de Habilitações com discriminação das classificações obtidas às disciplinas efetuadas e cópia do documento de identificação.

     

    Métodos de seleção: A avaliação terá em conta o mérito do candidato, considerando os parâmetros da formação académica, perfil curricular e experiência em investigação científica, designadamente nos domínios científicos de especialização em relação à área de atuação do CCG na qual o bolseiro irá exercer a sua atividade.

    A seleção dos candidatos poderá eventualmente ser complementada por entrevista. O júri reserva-se o direito de não atribuir a bolsa no caso de não se apresentarem a concurso candidatos com o perfil adequado.

     

    Composição do Júri de Seleção: O Júri é composto por Filipe Meneses (Presidente), Prof. Adriano Moreira (vogal efetivo), Prof. Helena Rodrigues (vogal efetivo), Prof. Maribel Santos (suplente), Paula Monteiro (suplente).

     

    Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada afixada na secretaria do Centro de Computação Gráfica, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de email.

     

    Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para o endereço jobs@ccg.pt, estando o concurso aberto no período de  15/09/2017 a 14/10/2017, indicando a referência ,BIM_UMC/C4S_06/2017

     

    Guimarães, 20 de setembro de 2017

  • Mobile Application Developer (M/F)
    Mobile Application Developer (M/F)

     

    CCG is an organization with almost 25 years of existence, which dedicates its activity to applied research and development in the fields of information technology, communications and applications, at national and international level.

    If you love creating brilliant strategies and developing innovative solutions, this is the right challenge for you!

    UMC Team:

    The Urban and Mobile Computing team is positioning itself as an emerging unit, which aims to give people new and more complete experiences in their interaction with the urban space through new computing applications. This team is composed with talented engineers and researchers who have creativity in their DNA and pursue the excellence and innovation.

     

    What will be your job?

    You will participating in the technical specification, development, implementation, and testing of a mobile solution for Android devices (smartphones and tablets) for field inspection of historical and cultural heritage buildings.

     

    What are we looking for?

    ·         Master in Computer Engineering, Computer Science and Systems, Electronic Engineering or related fields;

    ·         Development expertise for Android devices - Android Studio;

    ·         Experience / knowledge in location-based systems;

    ·         Experience in RESTful Interfaces;

    ·         Experience in SQL;

    ·         Knowledge in content synchronization (saved offline and upload to server);

    ·         Excellent written and communication skills in English.

     

    What we offer:

     

    ·         A master’s research scholarship;

    ·         The opportunity of later integration in CCG;

    ·         A welcoming and diversity-friendly environment;

    ·         Learning and development opportunities;

    ·         Participation in the first common strategy for the preventive heritage preservation in south western Europe;

    ·         Creative Challenges as Goals;

     

     

    You can grow your value with us!

     

    Bring your passion, we will perform and reveal CCG Magic Tricks!

     

    To be a part of CCG’s experience, please send us your application to jobs@ccg.pt, until 30/10/2017, with the reference “Mobile Application Developer_ research scholarship”.