+351 253 510 580 Mon - Fri. 09:00 - 18:00
Follow us:

. cVIG

Reforçar a transferência de conhecimento científico e tecnológico para o setor empresarial

Transferência de Conhecimento Científico e Tecnológico do CCG – SIAC TT

. cVIG. EPMQ. PIU. UMCTICE  , , , , ,

2017 – 2019 O projeto SIAC TT tem como objetivo principal reforçar a transferência de conhecimento científico e tecnológico para o setor empresarial, promovendo uma maior eficácia no Sistema de I&I e a criação de valor nas organizações. Neste sentido, será realizado um conjunto de ações que fomentem a transferência de conhecimento científico e tecnológico dos 4 domínios de especialização do CCG (CVIG, EPMQ, PIU, UMC) para os setores empresariais, bem como estimular e potenciar a sua aplicação nas atividades económicas da região Norte do país. Com a transferência do conhecimento científico e tecnológico para o mercado pretende-se contribuir para: a criação de valor nas organizações; a melhoria de soluções transacionáveis; o incremento de exportações (de produtos e serviços); o reforço de competitividade das empresas da Região Norte.   Em concordância com estes objetivos, o plano de ação é constituído pelas seguintes iniciativas: Ação 1 – Iniciativas de Interação e Transferência de Conhecimento das áreas de competência do CCG; Ação 2 – Ações de difusão, disseminação e integração de conhecimento científico e tecnológico no tecido empresarial; Ação 3 – Ações de valorização económica dos resultados de I&D; Ação 4 – Ações de divulgação e disseminação dos resultados.

Read details

Fashion Awareness Customer Profiling (FACPROF) – Inovretail

. cVIGTICE  , , ,

2018–2019 O projeto Fashion Awareness Customer Profiling (FACPROF) tem por objetivo criar as condições necessárias para uma melhor gestão dos stocks no retalho de artigos de moda baseada numa caracterização dos visitantes e do seu consumo, indo assim ao encontro das reais necessidades dos consumidores. Contribuição do CCG O Centro de Computação Gráfica (CCG) participa no projeto através do seu Domínio de Investigação Aplicada – cVIG (Computer Vision Interaction & Graphics) com a investigação e desenvolvimento do módulo de caracterização dos visitantes, o qual fará uso intensivo de técnicas de visão por computador. Pretende-se a extração de informação a 2 grandes níveis: tipo de visitante de loja caracterizando-o por sexo e faixa etária e os tamanhos de roupa e cores predominantes relativos ao vestuário deste. Benefícios A informação recolhida permitirá categorizar o visitante e desta forma ajudar a prever o seu perfil de compra e por conseguinte levar a uma otimização da gestão de stocks. Esta otimização de gestão traduz-se numa maior disponibilidade das peças e tamanhos pretendidas pelos consumidores e num melhor ajuste do stock às necessidades reais. Devido ao volume de negócios no retalho do vestuário e calçado, um pequeno aumento nas vendas, margens ou diminuição do custo de inventário pode resultar em aumentos significativos nos resultados dos retalhistas.

Read details

FAMEST – Calçado e tecnologias avançadas de materiais, equipamentos e software

. cVIGTICE  , , ,

2017-2020 O FAMEST – Calçado e Tecnologias Avançadas de Materiais, Equipamentos e Software é um projeto que impulsionará a inovação no setor do calçado e a internacionalização do calçado português. Este projeto mobilizador FAMEST concentra-se na geração de conhecimento e na sua integração em novas soluções empresarialmente competitivas, nomeadamente no desenvolvimento de: novos conceitos de calçado de moda, técnico, customizado ou personalizado, inteligente, para nichos especiais e mercados globais; inovadores bio, eco, nano materiais e componentes multifuncionais; tecnologias digitais para os processos de produção, relação entre os vários intervenientes na cadeia de valor e o cliente final; novas tecnologias digitais, flexíveis e ágeis. modelos de negócio inovadores e ambientalmente responsáveis.   A contribuição do CCG neste projeto ocorre no “PPS 1. FAMEST SHOE – Ferramentas e conceitos para o calçado do futuro”, em especial na atividade “A1.7 Desenvolvimento de Solução de Medição Anatómica e de Visualização de Calçado”, onde se pretende investigar e desenvolver soluções inovadoras ao nível de: reconstrução tridimensional do pé com recurso a fotogrametria; análise de conforto anatómico de forma a encontrar o calçado ideal para a especificidade de cada pé; visualização imersiva de modelos de calçado tridimensionais sobre o pé com recurso a técnicas de realidade aumentada.   O CCG participa ainda nas atividades de: “Construção de protótipos, pré-séries e teste de validação”; “Promoção e disseminação dos resultados do PPS”; “Gestão técnica do PPS”.   Assim como nos PPS: FAMEST DEMO – Disseminação, demonstração e exploração de resultados; FAMEST COORDENA – Coordenação global do projeto.   O FAMEST é promovido por um consórcio completo de 23 empresas de toda a cadeia de valor do calçado: couros, palmilhas, solas, produtos químicos, software, equipamentos, logística e calçado, e 9 entidades de I&I com competências multidisciplinares e complementares, que asseguram o desenvolvimento de resultados inovadores e a sua valorização económica pelos promotores nos mercados nacional e internacional.

Read details

MaxCut4Fish – Investigação e desenvolvimento de sistema inteligente de corte automático e otimizado de pescado congelado

. cVIGTICE  , ,

2016 – 2018 O projeto MaxCut4Fish tem como objetivo investigar e desenvolver um sistema inteligente e modular de corte automático de pescado congelado que, explorando e conjugando o potencial da visão computacional e automação sensorial, permitirá definir cortes ótimos para cada pescado em função das suas características morfológicas, volumétricas e de peso, possibilitando assim, entre outros aspetos: a maximização do aproveitamento do pescado; a minimização dos desperdícios produtivos; o aumento da qualidade e da uniformização das postas finais.   O MaxCut4Fish é um sistema inteligente de corte modular, permitindo que um dos módulos esteja a cortar as postas de acordo com o peso pretendido, enquanto outro módulo corte segundo as medidas pretendidas, sem haver necessidade de parar completamente o equipamento para manutenções, já que estas são alternadas/programadas. Pela incorporação desta tecnologia state-of-the-art em termos de visão computacional, automação sensorial e controlo, com a mínima intervenção humana, será possível às organizações envolvidas: conquistar quotas de mercado; variar a carteira de clientes; aumentar a produtividade; reforçar a estratégia de I&D; aprofundar o know-how técnico e científico; ampliar a rede de colaborações.   O CCG está responsável pelo desenvolvimento da visão computacional e da modelação tridimensional do MaxCut4Fish. As atividades deste projeto focam-se na investigação e no desenvolvimento dos algoritmos que sustentam 4 subsistemas que, posteriormente, incorporarão um protótipo que será testado em ambiente industrial.

Read details

UH4SP – Unified Hub for Smart Plants

. cVIG. EPMQ  , , ,

2016-2018 O projeto UH4SP Unified Hub for Smart Plants visa o desenvolvimento de uma arquitetura de software, orientada a serviços e soluções tecnológicas, incorporando o paradigma de IoT e Industry 4.0. Estas soluções têm em vista a promoção da visão corporativa e agregada de operações de unidades industriais dispersas por várias geografias, através de acessos remotos e locais; construção de ferramentas colaborativas e transversais; otimização das operações e experiência de utilização nas unidades industriais e, por último, confiabilidade do sistema. Os principais objetivos técnico-científicos do projeto são: Definição de mecanismos de conceção de arquiteturas lógicas para plataformas tecnológicas de otimização logística no âmbito de referenciais Indústria 4.0; Conceção de serviços e aplicações de negócio endereçadas aos stakeholders invocando recursos transparentemente; Desenvolvimento de novos algoritmos e métodos de sensorização para melhorar o reconhecimento de pessoas e viaturas, interações com motoristas e assistência técnica remota; Desenvolvimento de modelos de simulação e heurísticas visando a otimização logística; Desenvolvimento da(s) plataforma(s) computacional(ais) de suporte às operações do sistema; Desenvolvimento de uma plataforma de armazenamento de dados adequada aos requisitos da Indústria 4.0. A contribuição do CCG terá a intervenção dos domínios EPMQ e cVIG. O EPMQ contribuirá no: Levantamento de requisitos e de referenciais cloud computing, Industrial Internet of Things (IIoT) e Industry 4.0; Desenvolvimento de serviços e aplicações de negócio invocando recursos transparentemente; Definição de metodologias de especificação, concepção e desenvolvimento de serviços/aplicações no contexto da Industry 4.0; Conceção de uma arquitetura e especificação de serviços (SOA); Definição de um modelo de negócio utilizando metodologias de alinhamento “business/IT”.   Por seu lado, o cVIG contribuirá na: Identificação automática de condutor e veículo, com recurso à visão por computador; Interface do motorista, através de dispositivo móvel, com foco no auxílio à navegação dentro de fábrica, com recurso a realidade aumentada; Assistência remota, através da exploração de novos conceitos de telepresença em realidade aumentada.   Website do projeto: UH4SP ddeee vweeeeee

Read details

Senior Inclusive

. cVIGTICE  , , ,

2016-2019 O projeto SENIOR INCLUSIVE (Co-Promoção PT2020) é um projeto fulcral que surge no âmbito de uma necessidade de mercado no apoio à prestação de cuidados domiciliários. Este projeto visa criar um equipamento composto por um Tablet+Pulseira, adaptados ao nível de hardware, com design inclusivo e software personalizado, consoante o perfil do idoso. Os dispositivos permitem efetuar atividades como: chamadas voz e vídeo, substituindo o telefone; interligar-se com dispositivos de medição de parâmetros de saúde; localização em tempo real e deteção de quedas, imprescindíveis em casos de emergência.   O sistema integra ainda uma plataforma online onde familiares e profissionais poderão aceder a todos os dados em tempo real, ao mesmo tempo que um assistente virtual personifica o interface com o utilizador. O projeto assume-se como um marco no panorama de investigação científica, pois serão investigadas várias soluções de caráter inventivo. Para além disso, reúne um consórcio altamente qualificado, nas áreas de conhecimento científico inerentes à investigação e desenvolvimento necessários, formado por 4 entidades copromotoras (HidePixel, CCG,Univ. do Minho e PIEP), e 5 prestadoras de serviços (Plux, Fraunhofer PT, Critical Materials, TecMinho, Progest). O CCG, representado pelo seu domínio de investigação aplicada CVIG contribui nos seguintes eixos: 1) Investigação e Desenvolvimento de algoritmos de reconhecimento de padrões, para desenvolver uma aplicação de reconhecimento de medicamentos através de visão por computador. 2) Investigação e Desenvolvimento de um módulo de Assistentes Virtuais (Avatares), construídos à imagem de pessoas ou personagens conhecidas do idoso, que são um elemento de companhia sempre presente no sistema. Os assistentes virtuais comunicarão com o idoso, e todo o seu funcionamento pode ser configurado remotamente nas plataformas web e mobile, pelos familiares ou profissionais de cuidados. Reportagens Projeto Senior Inclusive no programa 90 Segundos de Ciência Projeto Senior Inclusive no programa “O Norte Somos Nós”

Read details

Este site usa cookies.  Ao optar por "recusar cookies", algumas partes do nosso site poderão não funcionar corretamente. Para continuar a obter a melhor navegação clique em "Aceitar cookies".