25 Anos – IST Prize e IST Grand Prize 2001

 O projeto EU-Teleinvivo (1998-2000) mereceu o IST Prize e o IST Grand Prize de 2001 – prémios estes atribuídos à equipa que colaborou no projeto EU-TeleInvivo pelo European Council of Applied Sciences and Engineering (euro-CASE) – sendo estes simultaneamente os galardões mais conceituados em termos de projetos ou sistemas desenvolvidos no âmbito das tecnologias de informação.

Este projeto europeu foi um exemplo de desenvolvimento tecnológico orientado para a assistência e cuidados médicos, procurando suprimir lacunas nos sistemas de saúde, como a falta de especialistas nas áreas rurais e isoladas, a necessidade de deslocação dos utentes para consulta a grandes distância, a falta de meios de diagnóstico adequados a preço acessível, entre outros.

Projeto EU-TeleInVivo recebe Prémios IST, Nice, 2001

Projeto EU-Teleinvivo (1998-2000)

O projeto EU-Teleinvivo consistiu no desenvolvimento de uma estação de telemedicina portátil, com sistema de aquisição ecográfico (3D Ultrasound Telemedical Workstation).

O sistema podia ser utilizado em áreas isoladas, tais como ilhas e zonas rurais, ou em cenários de crise, em serviços de primeiros socorros, ambulâncias ou navios.

Neste projeto procedeu-se à montagem de uma estação fixa de trabalho no Hospital da Universidade de Coimbra para o suporte de diagnóstico especializado. Os Açores foram incluídos na rede de testes, assim como as Ilhas Canárias. A UNESCO avaliou o EU-TeleInViVo no Uganda e no Cazaquistão, em duas cidades diferentes para cada país.

O campo de aplicação do EU-Telelnvivo a nível médico podia ir da ginecologia ao diagnóstico da zona abdominal. Usando técnicas avançadas para a recolha e tratamento dos dados tridimensionais foi possível obter dados ecográficos 3D, realizando uma “ecotomografia”.

Imagem: sistema portátil baseado num ecógrafo e num computador com capacidade de transmissão de dados

Parceiros do projeto:

  • IGD – Fraunhofer Institut für Graphische Datenverarbeitung, Alemanha
  • CCG – Centro de Computação Gráfica, Portugal
  • HUC – Hospitais da Universidade de Coimbra, Portugal
  • UNESCO – United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization, França
  • CATAI – Centro de Alta Tecnologia en Analisis de Imagen, Espanha
  • DSC – Dr. Staerk Computer Systeme GmbH, Alemanha
  • HPD – Hospital de Ponta Delgada, Portugal
  • PIE – Pie Medical BV, Holanda
  • ZGDV – Zentrum für Graphische Datenverarbeitung, Alemanha

O Fraunhofer IGD foi o coordenador do projeto, executando o desenvolvimento de software e a integração de hardware juntamente com o CCG – Centro de Computação Gráfica – e o ZGDV.

Mais info

Paper: “EU-TeleInViVo: An integrated portable telemedicine workstation featuring acquisition, processing and transmission over low-bandwidth lines of 3D ultrasound volume images”