25 Anos – CCG e os primeiros passos da tecnologia web em Portugal

O CCG demonstrou-se um ator importante nos primeiros passos do web design em Portugal, sendo um dos impulsionadores da tecnologia web neste país, através do desenvolvimento de websites de referência nacional.

Website da Expo’ 98

O Centro de Computação foi o responsável pelo desenvolvimento da primeira versão do website da Expo’ 98.

Expo 98 website ccg

Homepage Expo’ 98, website de 1994

Foi com o desenvolvimento da primeira versão do site da Expo’ 98, ainda no ano de 1994, quando a Expo não tinha ainda sequer domínio ou servidor, que o Centro de Computação Gráfica ganhou visibilidade na área web em Portugal.

Nesta altura quase ninguém consultava páginas da Internet, os programas para construção das páginas Web eram inexistentes ou rudimentares, as influências eram poucas e o conceito de web design era praticamente nulo.

Segundo Maria Ferrand, designer no CCG, “(…) existia um conjunto enorme de limitações técnicas, que passavam desde a limitação no uso de cores (256), obrigatoriedade no tipo de letra a usar, impossibilidade de mexer no kerning, incerteza da dimensão percepcionada pelo utilizador, tamanho (Kbs) reduzido das imagens, etc.”

Para além deste website, o CCG trabalhou no projeto Oceanário Virtual (1996 -1998), que recriou o ambiente do Oceanário de Lisboa, na altura o maior da Europa, através de tecnologias de Realidade Virtual.

Website Jornal de Notícias

Graças à visibilidade do site da Expo’ 98 e à remodelação do próprio site do CCG, surgiu a oportunidade de construir o primeiro site do Jornal de Notícias, em 1995, aquele que foi o primeiro website de um meio de comunicação social português.

Este projeto com o Jornal de Notícias representou um marco para a história da comunicação social nacional, sendo também um dos primeiros exemplos de projetos de transferência de tecnologia realizados no CCG.

“Era em centros de investigação como este que se estava a desenvolver a tecnologia Web em Portugal. Maria Ferrand

JN website

Homepage do JN, URL: www.jnoticias.pt. Revista Topics, abril, 1996

Desta primeira versão do website do JN poucos vestígios ficaram.

“Não tínhamos a noção de sermos parte de qualquer ‘história’, estávamos simplesmente a trabalhar, a resolver problemas. (…) E para que havíamos nós de arquivar algo tão elementar?” Maria Ferrand

Website LNEC

Em 1996 o CCG desenvolve o site do LNEC – Laboratório Nacional de Engenharia Civil

LNEC website ccg

Homepage do LNEC, URL: http://www.lnec.pt, de 8 julho de 1997, através do Arquivo da Web portuguesa

Website CP – Comboios de Portugal

Em 1996 o CCG começa também a desenvolver o primeiro website da CP – Comboios de Portugal, um dos associados do CCG.

Mais tarde o CCG elaboraria o sistema de horários da CP e conceberia uma completa revisão e extensão do servidor web da CP.

 CP

Website da CP

“O CCG nunca se posicionou como produtor de websites simples, abraçando em contrapartida desafios de maior complexidade tecnológica e que trouxessem alguma inovação. Neste caso em particular tratava-se de desenvolver um conjunto de funcionalidades do lado do servidor que facilitassem e permitissem a atualização fácil de conteúdos no site (similar ao que hoje, vulgarmente, se chama backoffice)” César Páris, programador e investigador no CCG.

As ferramentas utilizadas pelo CCG no desenvolvimento de websites incluíam o sistema operativo Machintosh e os softwares Freehand, Illustrator e Photoshop.

Website Mosteiro de Santa Clara-a-Velha

Santa Clara a Velha Virtual website CCG

Website do Mosteiro de Santa-Clara-a-Velha

Com o projeto Santa Clara-a-Velha Virtual (1996-1998) o CCG procedeu à construção do ambiente virtual de Santa Clara-a-Velha (do séc. XIV a XX), um local que apresenta um extenso potencial de exploração em níveis muito diversos. Este local podia ser descoberto online através do website desenvolvido pelo CCG, um site de apoio às escavações, antes da construção do museu.

Posteriormente, o CCG desenvolveria um outro projeto ligado ao mosteiro o Visita Virtual: Santa Clara-a-Velha.


Fonte dos testemunhos: Antunes, Sandra. (2015). Interfaces para um museu do Web design português. 10.13140/RG.2.1.2158.6645.